ORDEM DE CULTO (Adoração) O Senhor Reina!

Processional

Prelúdio

Leitura bíblica: Salmos 99:1-5


Dirigente:
O Senhor reina! As nações tremem! O seu trono está sobre os querubins! Abala-se a terra!
Homens: Grande é o Senhor em Sião; ele é exaltado acima de todas as nações!
Mulheres: Seja louvado o teu grande e temível nome, que é santo.
Todos: Rei poderoso, amigo da justiça! Estabeleceste a eqüidade e fizeste em Jacó o que é direito e justo. Exaltem o Senhor, o nosso Deus, prostrem-se diante do estrado dos seus pés. Ele é santo

Canto  Igreja (Tarcísio Barbosa)

Estamos todos congregados aqui,

certamente abençoados também,

há um clima, uma esfera de amor,

uma força que se move entre nós.

Algo novo Deus está por fazer

com este povo a quem muito quer bem.

Seu Espírito Ele vai derramar,

uma Igreja forte edificar.

Prá louvor de tua glória,

vem, Senhor, tua história

escrever através de nossas vidas.

Teu querer desejamos,

cumpre em nós os teus planos.

Vem, Senhor, e reina hoje aqui.

Vem, Senhor, vem Senhor,

vem, Senhor, e reina hoje aqui.

Vem, Senhor e reina hoje aqui.

Canto Santo, santo, santo

Santo, Santo, Santo. Santo, Santo, Santo.
Santo é o Senhor, poderoso.
Digno de toda glória, digno de toda honra,
e de receber hoje o louvor.
Louve, louve e exalte ao Senhor.
Louve, Seu nome para sempre.

Oração

Canto 2 HCC Santo! Santo! Santo! (Ap 4.8-11, R. Heber/J. Dykes)

Santo! Santo! Santo! Deus onipotente!

Cedo,  de manhã, entoamos teu louvor.

Santo! Santo! Santo! Nosso Deus triúno,

és um só Deus, excelso Criador.

Santo! Santo! Santo! Nós, os pecadores,

não podemos ver tua glória sem tremor.

Tu somente és santo; outro não existe

puro e perfeito, excelso benfeitor.

Santo! Santo! Santo! Deus onipotente

Tuas obras louvam teu nome com fervor.

Santo! Santo! Santo! Justo e compassivo

És um só Deus, supremo Criador. Amém.

Canto 52 HCC   Grandioso és tu! (C. Boberg/Mel. sueca)

Senhor, meu Deus, quando eu, maravilhado,

contemplo a tua imensa criação,

o céu e a terra, os vastos oceanos,

fico a pensar em tua perfeição.

Então minha alma canta a ti, Senhor:

“Grandioso és tu! Grandioso és tu!”

Então minha alma canta a ti, Senhor:

“Grandioso és tu! Grandioso és tu!”

Ao caminhar nas matas e florestas,

escuto as aves todas a cantar;

olhando os montes, vales e campinas,

em tudo vejo o teu poder sem par.

Quando eu medito em teu amor tão grande,

que ofereceu teu Filho sobre o altar,

maravilhado e agradecido venho

também a minha vida te ofertar.

Momento de fidelidade
Oração

Orem no Espírito em todas as ocasiões, com toda oração e súplica; tendo isso em mente, estejam atentos e perseverem na oração por todos os santos.

Efésios 6.18

Canto 324 CC   Refúgio Verdadeiro (Souza/Whyte)

1. Seguro estou, não tenho temor do mal,

sim, guardado pela fé em meu Jesus.

Não posso duvidar desse amor leal;

ele em seu caminho sempre me conduz.

Não me deixará, mas me abrigará;

do pecado vil me vem livrar.

A sua graça não me recusará;

sim, Jesus é quem me pode sustentar.

No poder de Cristo, o Mestre, minha vida salva está!

Do perigo que cercá-la, ele poderá livrá-la;

seu poder eterno sempre a susterá.

3. Perigo algum me pode causar temor,

pois meu Salvador não me abandonará;

com sua proteção e com seu amor,

dirigindo minha vida ele estará.

Nunca o deixarei, mas fiel serei,

sempre firme, cheio de fervor;

a Cristo, Redentor, meu Senhor e Rei,

eu me entregarei firmado em seu amor.

Momento de intercessão

Mensagem


Oração

Canto  560 HCC   Olhando para Cristo (Soren/Miles)

Ruge forte, contundente, a guerra do pecado,

mas os seus clangores vis não podem me afligir.

Sei em quem confio, pois na rocha estou firmado,

e celestes bênçãos irei fruir.

Olhando para Cristo, grande autor da salvação,

prossigo, pois avisto soberano galardão.

De Deus ministro, me revisto do poder do meu Senhor,

para servi-lo com todo ardor.

Vejo ao longe campos vastos, prontos pra colheita:

multidões sem luz, sem Deus, aguardam salvação.

Vem, ó Deus, desperta o amor da geração eleita,

para os teus obreiros concede unção.

Desprezando deste mundo as sendas ardilosas,

volto o meu olhar pra cruz de quem me resgatou;

dele tenho na alma, então, as bênçãos mui gloriosas

e feliz com Cristo cantando vou.

Poslúdio
Recessional

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *