Rearmonização por áreas

Artigo escrito para a Revista Louvor (JUERP) Prazer da Palavra e coluna no site GuitarBattle

No campo harmônico os acordes exercem funções diferentes, cada um é responsável por criar algum tipo de sensação. Digo sensações porque a música é algo abstrato e não se pode palpar. Podemos separar os acordes de um campo harmônico em três grupos principais ordenados por funções:

Ex. Campo Harmônico de Dó Maior:

C7M       Dm7        Em7        F7M        G7       Am7            Bm7(b5)
I7M       IIm7     IIIm7    IV7M      V7         VIm7            VIIm7(b5)

    1. FUNÇÃO TÔNICA – São
      acordes de repouso: I7M, IIIm7 e Vim7, no exemplo acima seria C7M, Em7 e Am7. obs: O acorde C7M pode ser substituído pelo C6 
    1. FUNÇÃO SUBDOMINANTE – São acordes que produzem uma leve suspensão: IIm7, IV7M, no exemplo acima seria Dm7 e F7M.
  1. FUNÇÃO DOMINANTE – São acordes que causam tensão, pedem por uma resolução: V7 e VIIm7(b5), no exemplo acima seria G7 e Bm7(b5).

Você pode experimentar as sensações provocadas pelas funções tocando uma progressão simples I – IV – V- I. Você vai sentir algo como no gráfico a seguir:


 


 

 

 

(Clique na imagem para ampliar)

Toda musica tonal passa de alguma forma por esse gráfico, levamos também em conta que se pode ter uma complexidade bem maior. Mas o que é interessante para nós observarmos é que podemos enriquecer a harmonia de alguma canção acrescentando ou alterando os acordes de mesma função.Supondo que você tenha uma musica com a seguinte progressão:

||  G | G | C7M |  D7 |  G ||

Podemos reharmonizá-la seguindo os seguintes passos:

1- Identificamos a tonalidade. No caso acima, a progressão está na tonalidade de Sol maior, portanto seu campo harmônico é: G7M Am7 Bm7 C7M D7 Em7 F#m7(b5)

sendo de:

Função Tônica: G7M; Bm7; Em7;
Função Subdominante: Am7; C7M
Função Dominante: D7;F#m7(b5).

2- Identificamos as áreas da progressão:

||  G        |   G   |             C7M               |          D7             |        G        ||
Tônica          Subdominante           Dominante          Tônica

3- Reharmonizamos a progressão substituindo e/ou acrescentando acordes de mesma função harmônica:

||   G7M   G6 |  Em7  |      C7M    Am7       |    F#m7(b5)     D7   |    G6      ||
Tônica            Subdominante        Dominante        Tônica

Em três passos simples você pode estar alterando a harmonia de uma música, podendo torná-la mais agradável ou mais apropriada para um determinado contexto.

Tenha em mente que nem sempre a reharmonização é a melhor opção. Ela é mais uma opção. Muitas vezes a simplicidade é a melhor escolha. Portanto, faça uso do bom senso, tome cuidado para não ferir o estilo da música a ser reharmonizada cuidando também para não agredir a melodia da mesma. Certamente você obterá resultados muito satisfatórios.

Um abraço!

Ramon Chrystian

Be the first to comment on "Rearmonização por áreas"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*


%d blogueiros gostam disto: