387 HCC O meu clamor, Ó Deus, atende (P.Filho/ L.Bourgeois)

O meu clamor, ó Deus, atende,
pois dia e noite eu oro a ti.
Tão frágil sou, tão pobre aqui!
Magoada e só, minha alma chora, por isso implora.

Da vida e luz tu és a fonte.
Em mim derrama o teu poder.
Minha oração vem atender, pois,
quando sai o sol bem cedo, eu intercedo.

Tu és um Deus que não te alegras
no tropeçar do pecador.
Bondoso e justo és tu, Senhor.
Tu não toleras orgulhosos e mentirosos.

Na luz dos teus caminhos santos,
humildes e grato eu andarei.
Tu és meu Deus, tu és meu Rei.
Contigo sempre andar eu quero, puro e sincero.

Teus filhos têm constante alento,
felizes sempre em tua paz.
De todo mal os guardarás,
pois tua lei, ó Deus, conhecem e te obedecem.

Be the first to comment on "387 HCC O meu clamor, Ó Deus, atende (P.Filho/ L.Bourgeois)"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*


%d blogueiros gostam disto: