Notícias & Eventos

FESTIVAIS DE JAZZ & BLUES EM ALTA

imageNeste mês de setembrode 2013  haverá mais uma edição do Rock in Rio, porém, sobre este a imprensa já fala bastante. Outros de menos projeção que podemos notar são os festivais de jazz e blues que vêm acontecendo no Brasil, estes, estão ganhando força e notoriedade. Muito interessante porque é algo que muitos músicos desejavam e não tinham oportunidade de participar, pois os grandes nomes do gênero vinham pouco no nosso país.

O Bourbon Festival Paraty é um festival internacional que trouxe nomes como o contrabaixista de jazz fusion Stanley Clarke, vencedor de três Grammys, o grupo britânico Incognito, um dos precursores do Acid Jazz e nomes brasileiros como Ed Motta e Hamilton de Holanda.

Outro exemplo é o já consagrado Rio das Ostras Jazz & Blues, que neste ano trouxe os feríssimos Scott Henderson Trio, Victor Wooten, Christian Scott, Will Calhoun Ensemble com Donald Harrison, dentre muitos outros nomes.

Outras cidades do Rio também vêm trabalhando em projetos do gênero. A prefeitura de Barra Mansa, através da Fundação de Cultura promoveu o Noites Barramansenses Jazz & Blues que contou com o mestre e guitarrista Frank Gambale, que aliás esteve com uma turnê extensa no Brasil nos meses de julho e agosto. Frank tocou com músicos brasileiros jovens mas muito proficientes na pegada jazz-fusion.

Em Belo Horizonte, o Savassi Festival também conta com grandes músicos e terá nos dias 16 a 23 de setembro sua realização também na cidade de Nova York. Nesta ocasião, muitos artistas brasileiros tocarão e haverá também vários workshops com alguns destes artistas tratando temas da harmonia, melodia brasileira e técnicas de samba e choro.

victor-wooten-main

Nos dias 10 a 12 de Outubro será a vez do Petrópolis Jazz & Blues Festival com Peter Fessier Acoustic (Alemanha), o mestre Larry Coryel, Sax Gordon, dentre outros. E por último cito o Niterói Jazz Festival que ocorrerá de 21 a 24 de novembro de 2013, os nomes dos artistas ainda não foram divulgados.

Ainda existem muitos outros bons festivais que poderiam ser citados. Um bom incentivo à cultura, à apreciação da música de qualidade e ao estudo.

Ramon Chrystian de Almeida Lima
siga no twitter: @ramonchrystian

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *